Publicidade 1

Opencast #68 – Libreboot Deixa o GNU

opencast_episodio_68

Está no ar mais um episódio do Opencast. Neste episódio Ivan, Diego e Hélio falam de mais alguns acontecimentos que foram notícia na última semana.

Se você é do Rio Grande do Sul ou Santa Catarina e precisa de serviços de cabeamento estruturado, câmeras de segurança dentro do padrão de cabeamento estruturado, nobreaks(venda e manutenção), som ambiente, equipamentos de informática de padrão corporativo ou ainda consultoria na área de T.I., não deixe de entrar em contato com nosso patrocinador Dataware pelo telefone (54) 3712 0177.

Produtos Diostore

Links do Episódio

Libera Geral

Obituário

Twitter: @tecnologiaabert

Facebook: http://www.facebook.com/tecnologiaaberta

Google+: Tecnologia Aberta

Instagram: @ubunterobr

Youtube: Tecnologia Aberta

E-Mail: opencast@tecnologiaaberta.com.br

Feed do Opencast: http://tecnologiaaberta.com.br/feed/opencast/

iTunes: http://itunes.apple.com/br/podcast/id424732898

Opencast , , , , , , , , , , 26/09/2016 00:01 3 Comentários

3 Comentários

  1. Ramires disse:

    Ola amigos,
    Impressionado com precisão e imparcialidade do Helio sobre o assunto Linux & Lenovo.
    Sem clubismo, sem paixão desnecessariamente exarcebadas.
    Show.

  2. Olá Ivan, sou o Frederico Lima da comunidade do Fedora, curto muito e acompanho sempre o Opencast e, no episódio 68, ouvi o convidado chamado Helio falando que o Xorg é um refactor do Xfree e que rescreveram tudo.

    Gostaria de saber a fonte disso, que o Xorg é um fork do XFree tudo bem, mas que o X foi totalmente rescrito, porque pelo que sei, ele não foi rescrito, foi apenas modularizado, ele foi enxugado bastante aonde podia ser enxugado, mas o core é o mesmo, a base é a mesma, não foi rescrito.

    E o que acarretou a criação desse fork (O Xorg) não foi a rescrita de algo mas sim uma questão de licença do XFree que havia deixado de ser GPL compatível.

    Outra coisa, qual o problema de uma empresa estar por traz da criação de um novo projeto?
    Pra mim desde que o software seja produzido sobre uma licença aberta e que seus fontes sejam disponibilizados, eu não vejo problema algum. Vocês veem?

    Sobre o Wayland, a versão 24 do Fedora lançada há 4 meses já vem com o Wayland, só não é o padrão, o default ainda é o Xorg.

    Já na nova versão do Fedora, a 25, que hoje mesmo (dia 11 de outubro) saiu a versão Beta, e no mês que vem será o seu lançamento oficial, utiliza o Wayland como default, sem o Xorg.

    Vocês comentaram sobre essa demora no Wayland,
    realmente 2 ou 3 anos é algo demorado, mas o Wayland não é um fork, é um novo projeto utilizando boas práticas e paradigmas atuais, mais fácil de ser mantido, mais leve, mais rápido, menos inchado, mais recente.

    Imaginem a complexidade disso.
    Ia ser estranho se em 1 ano isso tudo tivesse sido implementado.
    Não faz sentido demorar pela sua abrangência e complexidade?

    Muito obrigado pelo opencast e vamos ver daqui a um mês o wayland rodando no Fedora 25.
    Um forte abraço a todos.

  3. Olá Ivan, por coincidência coincidência
    amanhã o projeto Fedora ta realizando o Wayland test day.
    A coisa n ta parada conforme foi dito.

    http://www.phoronix.com/scan.php?page=news_item&px=Fedora-25-Wayland-Test-Day

    Um abraço e viva o opencast!

Deixe seu comentário

Website