Tecnologia Aberta Tv 027 – Veredito sobre o Gnome Shell

Depois de uma semana usando o Gnome Shell já posso ver como vai ser a adaptação.

Resumindo, não gostei e vou sair a caça de uma nova interface para utilizar se ninguém conseguir me passar macetes que façam a interface fique produtiva sem eu ter que abrir mão da velocidade.

Nosso projeto está no padrim.com.br. Visita lá e deixe sua contribuição.

Não esqueça de deixar nos comentários as suas opiniões para que esta discussão possa ficar ainda mais interessante.

Tecnologia Aberta TV , , , , , 01/05/2017 23:15 7 Comentários

7 Comentários

  1. ALAN SILVA DE SOUZA disse:

    Olá Ivan, minha pergunta é: quais os fatores negativos de seguir utilizando o Ubuntu 16.04 LTS com Unity ate seu suporte final? e se você pensa em seguir utilizando o Unity?
    Abraço.

    • tecnolog disse:

      Alan, na minha opinião o único ponto negativo é saber que uma hora terá que migrar para outra coisa. Continuarei na LTS e no Unity por um bom tempo ainda.

  2. Bruno Nocera Zanette disse:

    É a segunda ou terceira vez que eu tento usar o GShell. Toda vez eu mudava e depois de uns meses eu esquecia o porque de ter mudado e tentava denovo. Agora estou me lembrando mais uma vez.

    A interface é até bonita, mas tem muita coisa que não tem o menor sentido além de ser bonito. A falta do botão para minimizar e as notificações eu nem dou mta bola pois prefiro usar o Alt-Tab ou a tela de “Atividades” e não uso o Pidgin e afins.

    Mas o desperdício de tela, os ícones da barra de status que na verdade são um único botão, a falta de utilidade de algumas coisas (o menu dos aplicativos que na maioria das vezes só tem a opção “Fechar”, por exemplo), a falta do menu de contexto com opções de acesso rápido (no icone do nautilus, por exemplo, para abrir locais do sistema diretamente), …

    E o que me preocupa um pouco é que várias distribuições já utilizam o Gnome e, pelo o que eu vi (nunca usei nenhuma delas), além da Budgie nenhuma outra traz modificações na interface além de um tema e alguns plugins já ativados. Pelo jeito o negócio não é tão simples de mexer sem ter que usar plugins. E pior ainda é que não tem pra onde correr. Nessa semana que passou eu testei outros sabores do Ubuntu, principalmente o KDE e Mate, e eles são ainda piores que o Gnome, tanto no quesito usabilidade/praticidade quanto no desempenho/consumo.

    Estava pensando seriamente em mudar para o Mint c/ cinammon, mas tb tem algumas coisas nelas que me irritam um pouco.

    É… o Unity nos acostumou mal!!

    • tecnolog disse:

      Bruno, ainda vou testar outra interfaces que o pessoal está me indicando, ma com certeza nos acostumamos mal com o Unity.

  3. Ricardo Jorge disse:

    Sou usuário do Ubuntu desde a versão 6.06. Estou bem decepcionado com o final do Unity, foi uma das interfaces mais práticas que já usei – não estou falando de estabilidade e etc pertinentes ao Unity. Não gosto de ficar personalizando SO, dou mais valor a praticidade e desempenho.

    Por conta desta mudança no Ubuntu, estou a fazer algo que a tempos não fazia sobre o Ubuntu / Linux: pesquisar… Há muito tempo que passei a usar somente as versões em LTS do Ubuntu. Já vinha tudo preparado para meu uso.

    Já testei dentro do Virtual Box os sabores do: Manjaro, Linux Mint, Ubuntu, etc… Nenhuma me agradou tanto quanto o Ubuntu e seus sabores. Hoje o ‘badalado’ Deepin tem versão de 64bits e suporte pago para versão de 32bits.

    Desde o começo detestei o Gnome Shell. É mais clique para chegar a um lugar; coisas escondidas; excessivo consumo de RAM… Me parece que o novo Gnome é bom de ficar brincando de personalização.

    Meu perfil de usuário mudou muito. Não tenho mais tempo e paciência para ficar atrás de ‘receitas’ para resolver problema de SO. Preciso de algo direto e prático. Hoje estou migrando muito das minhas atividades de professor e diagramador para a Nuvem, via Google Drive e outros apps.

    Tenho 1 antigo notebook com 2GB de RAM e 1 desktop com 4GB, respectivamente, com Xubuntu e Ubuntu, ambos de 32bits na versão 16.04LTS. Cheguei a usar por 2 anos o Lubuntu 14.04LTS no notebook, quando tinha 1GB RAM.

    Até estava pensando na próxima versão LTS do Ubuntu unificar para uma só interface: Ubuntu Mate ou Xubuntu. Chato vai ser fazer isto antes do tempo.

    Minha impressão positivas sobre o Xubuntu 16.04LTS. É direto e prático de usar. Relativamente instalou e está pronto para o uso. O Whisky menu é muito prático; e o clique com o botão direito na tela do XFCE, abre todas as possibilidades do SO (muito bom). Ele vem com um app de renomear arquivo em lote. O visualizador de figura Ristretto supre minhas necessidades. Um só painel superior permite um aproveitamento da área de trabalho.

    O que não gosto: a central de aplicativo do Gnome, que é pesada e não acha muita coisa (usei o Lubuntu e este tinha uma das melhore centrais de programa que vi, tipo o Synaptic). A instalação do Synaptic supre este problema. Não tem no menu Copiar e Mover, alias ontem fui testar um Thunar Action e tive um problemão com um script para resolver isso. O Thunar Action serve para instalar script, mas nem se compara ao n° que tem para o Ubuntu, além do que o funcionamento é diferente, precisa de outros apps.

    Em tempo, no meu PC de trabalho uso ainda o Ubuntu 16.04LTS Unity e o Xubuntu no notebook, que nem sempre ligo. Vou ver se experimento o Ubuntu Mate no meu PC de trabalho para tomar uma decisão de que caminho seguir na próxima versão LTS do Ubuntu, mas esse Gnome atual não tem condições para meu perfil.

    • tecnolog disse:

      Ricardo Jorge, estamos com perfil parecido, já passei do tempo de ficar personalizando sistema operacional. Para mim tem que ser funcional, se de quebra for bonito é um bônus apenas.

  4. Ivan Augusto disse:

    1:18 – Super+H, ou se realmente fizer questao pode habilitar o botão minimizar pelo Gnome Tweak Tool, em “Janelas”
    2:15 – realmente, mas nem todos os plugins fazem muita diferença (o principal que notei foi o “Dash to Dock”, até parei de usar, com os demais que testei/usei está tudo ok)
    3:13 – Estranho, deveria achar (aqui testei e foi de boas, sem instalar nada a mais para achar tanto configurações quanto arquivos), talvez algo nas Con
    5:25 – Panel OSD https://extensions.gnome.org/extension/708/panel-osd/

    O espaço vertical realmente incomoda um pouco.. E algo equivalente ao “hud” e aos menus globais seriam muito bem vindos! 😆

Deixe seu comentário

Website